Quer coisa mais destruidora pra autoestima de uma mulher que a carência?

Pois quando você está assim, qualquer coisa é o amor da sua vida, e qualquer carinho mesmo que mal intencionado, vem como uma versão florida de novela mexicana, cheia de paixão e drama, e você sente que encontrou o amor… Ledo engano!

Primeira dica: O amor não está em ninguém, antes de estar em você… Antes de tentar ou achar que sente amor por alguém, pergunte-se: Você se ama?

Segunda dica: Você nunca está carente do carinho de alguém, do amor de alguém, da compreensão de alguém, da consideração de alguém… Se você se sente carente, é porque não está dando essas coisas para si mesma. E o seu coração sente a falta do seu próprio carinho e não do carinho do outro.

Terceira dica: Se você começa a se preencher de tudo que citei acima, verá como num  passe de mágica você vai se sentir completa e vai lhe dar uma satisfação enorme, e você nem mesmo saberá de onde vem… Teste!

Aí sim, depois de já estar se dando tudo isso, é que você receberá carinho de verdade de alguém, com boas intenções. Ou seja, o mundo te trata como você se trata!

Se está carente, não saia de casa, não beba, não pegue no celular… Pelo contrário, se isole de tudo isso, desligue o celular, e parta pra uma sessão de autoamor para consigo mesma e veja só a transformação… Num passe de mágica aquela angústia em seu peito vai se dissolver, e você estará pensando. Mas num é que eu estava sentindo falta de mim?

Faz muito tempo que eu não preciso de esperar nada de ninguém, nem elogios, nem consideração, nem mensagens de bom dia. Eu simplesmente comecei a me bastar e me dar esse carinho singelo e verdadeiro, que é o desejo mais profundo de estar feliz comigo mesma, e por incrível que pareça, não preciso pedir nem cobrar nada de ninguém, e tenho todas essas coisas.

E você? Quer embarcar no meu barco da felicidade e da realização também? Então vem comigo! 😀

Escrito por

Linda Cristina

Coaching de Relacionamentos, Autoestima e Valorização Pessoal