Siga nos no YouTube e veja nosso conteúdo! >>https://www.youtube.com/c/fazerhomemvalorizar

Passei por várias situações que não desejo a ninguém,submissão a vários comportamentos e sempre fazendo de tudo “carregando o relacionamento nas costas” e digo para todas ” NÃO VALE A PENA”…Durante muito tempo vinha buscando coragem e lendo esse blog para buscar inspiração e força.

Porque no fundo sabemos que não faz bem continuar em um relacionamento doentio e ao lado de uma pessoa que NÃO VALORIZA, sempre gostei de fazer surpresas e mudar um pouco a nossa rotina, enfrentei diversos problemas com ele …mas apesar de não descobrir traição ele não respeitava nosso relacionamento, vivia acusando de várias coisas e sempre a culpa de qualquer briga era minha …alguns amigos ficaram afastados de mim porque diversas vezes prometi que não iria voltar e sempre aceitava e acreditava na mudança.

Mulheres NÃO ACEITEM escutar ofensas ou ter um homem para chamar de namorado se ele não te respeitar ou tratar como uma mulher de valor, durante 1 ano e 8 meses aceitei muitas coisas, mas só conseguir colocar um ponto final nessa história quando eu quis …coloquei na cabeça que não merecia e muito menos tinha necessidade disso e foi em um momento que vários amigos se afastaram, tive atitude sozinha de não querer isso para minha vida, com apoio da minha família, 3 amigas e 1 psicóloga fui sustentando minha decisão ele foi atrás diversas vezes ( em casa, no trabalho e faculdade), ligou muito para o meu celular, bloqueei todos os números dele e ate hoje não atendo números que não conheço …

Faz 2 meses que continuo firme Graças a Deus e deixo uma mensagem para todas: Procurem força e não esqueça de todas a oportunidades que a vida te dá para acabar com isso e recuperar sua paz de espírito ..sempre soube e reconheci meu sofrimento mas nunca tive força. A vida passa depressa cuide de você …saúde, amigos, vida profissional e principalmente da sua família!! Aprenda a gostar de você e não tenha medo de determinar, você viveu tanto tempo sem essa pessoa. CORAGEM MULHERES !!!

Siga-me nas redes sociais
Categorias: Depoimentos

Linda Cristina

Sempre tive esse ímpeto de dar conselhos, e por incrível que pareça, eles sempre funcionaram… Óbvio que sou humana e já aprendi muito em meus relacionamentos, mas eu tenho esse instinto e simplesmente AMO o que faço!
Por mais mulheres empoderadas e mais valorização!!!

14 Comentários

Claudia · 19 de novembro de 2015 às 11:31

Bom dia! Adorei o site e queria comentar referente a uma situação minha porém diferente, trata-se de um relacionamento com outra mulher.
Namoramos durante 4 anos, e nos amavamos muito, ´passamos por varias coisas juntas. Quanto tinhamos 3 anos de namoro acabei traindo-a, estava me sentindo sufocada e presa, errei e sei disso, ela descobriu. Terminou e passamos 1 mês separadas, porém, o amor falou mais alto e voltamos. Não errei mais e tentei reconquistar a mulher que eu amava.
Após isso o relacionamento mudou, ela passou a ser fria e indiferente, e e eu mudei, me tornei totalmente dependente dela.
resumindo: no meio do ano passado ela terminou comigo, fiquei mal e a pressionei, no inicio era apenas um tempo e eu nao entendi esse tempo, briguei muito e fui muito louca, Não a deixei em paz. Ate que ela cansou e terminou de vez. SOFRI, SOFRI, SOFRI, FUI ATRAS, PROMETI TUDO, ME HUMILHEI E DE NADA ADIANTOU. 2 meses depois ela estava namorando uma pessoa que eu conhecia, uma pessoa nada a ver e uma pessoa MUITO pior do que eu, na verdade, muito parecida comigo (referente as coisas q ela reclamava). Enfim, quando ela comecou a namorar não fui mais atras e deixei ela seguir com a vida e segui com a minha, 3 meses depois q ela estava namorando, conheci uma menina legal e comecei a namorar, na verdade foi mais uma tentativa, porque não conseguia esquecer ela, porém, não ia atrás. E ela também não veio. As unicas noticias que tinhamos uma da outra era atraves de amigos em comum.
Meses depois acabei meu namoro porque realmente nao consegui esquece-la, fiquei sabendo que ela também estava solteira. E aos poucos ela foi se aproximando dos meus amigos, querendo ir pros mesmos lugares que eu e ate frequentar churrascos na minha casa, enfim… conseguiu! nos reaproximamos e voltamos a ficar, tentei ser menos impulsiva e menos controladora, fomos deixando as coisas acontecerem, deixava sempre ela tomar a iniciativa e tal… Ela começou a ser a mesma pessoa de antes, me ligando, mandando msg de bom dia, porém… nunca conseguia me fazer carinho, na verdade era algo muito raro. Me doei e fiz o meu melhor, 5 meses depois vivendo dessa forma, sem cobrar e sem brigar, ela começou a sair sozinha, ir pras festas com amizades vazias e eu de boa, em casa. Ate que um dia, semana passada na verdade, ela disse q não conseguia mais, q amava minha companhia mas q não conseguia e que nao queria ser nojenta, ja que algo poderia acontecer (ela ficar com outra pessoa). Nao entendo, sabe ? nesse tempo estamos bem, ate fomos a montevideu nas ferias, dormiamos quase todos os dias juntas e ela amava estar comigo, mas não consigo mais lutar sabe ? Dei o meu melhor, fiz o que pude, o q não pude, mudei as coisas q eu sabia q errava mas ela não quer e nem se esforça. A amo muito ainda e conseguiria voltar caso ela mudasse e tivesse vontade de fazer dá certo, eu ainda estaria aqui. Porém, hoje não tenho mais forças e nem vontade de ir atras. Ate pq tem que partir das duas partes, uma pessoa só nunca conseguirá. Sozinha eu não consegui. Vou tentar levar a minha vida, Se você puder me dizer algo sobre essa situação, agradeço.
Abraços;

    admin · 19 de novembro de 2015 às 16:39

    Claudia,

    A melhor coisa você já está fazendo que é seguir com sua vida, não adianta tentar, se uma das partes não coopera…
    Se vocês hoje em dia tem uma convivência amigável, vá se reaproximando aos poucos, com carinho, e amizade, e veja se ela corresponde.

    Bjs
    Linda Cristina

Livia · 19 de novembro de 2015 às 12:50

Vc acabou de contar a minha história!! Triste saber que isso acontece tanto por aí, mas acontece Pq permitimos. Parabéns pela sua coragem!!

Paola · 19 de novembro de 2015 às 14:04

Querida Linda! Adoro o seu blog e sempre leio… costumo tirar forças dele, pois vivi algo terrível,e agora tento me reerguer. Acho interessante postar um link aqui para que vcs meninas entendam um pouco que nem sempre agressividade, um homem te desvalorizar seja algo aceitável… É uma doença. Estes tipos de homens são chamados de Misógenos… o link é esse: http://psicologico-al.blogspot.com.br/2010/01/ele-te-ama-e-depois-te-maltrata-ele.html. Eu não tinha conhecimento disso e achava que a culpa que carregava era realmente minha. Hj lendo este artigo, vejo que não é.
LInda querida! Vc como expert no assunto deve bem conhecer este tipo de homem do qual me refiro . Desconsidere este comentário caso ache inconveniente aqui. Me desculpe! Mas lendo os comentários das leitoras, pude ver que muitos homens se enquadram neste perfil doentio. Eu vivi isso ao extremo e até fui agredida diversas vezes… mas, que sirva de alerta para quem vive algo parecido. Um beijo no coração de vcs!

    admin · 19 de novembro de 2015 às 14:42

    Paola,

    Sim querida, acho muito válido sua dica. Obrigada!
    Com relação a agressividade, seja de qualquer tipo, mulher nenhuma deve aceitar nem um pouquinho que seja. É cartão vermelho e ponto final.

    Bjs
    Linda Cristina

Aline · 19 de novembro de 2015 às 21:22

Parabéns Carol !
Um exemplo para todas nós .
Fé e Força .
Beijos

flor · 21 de novembro de 2015 às 04:58

Bom dia, gostei muito desse site. Godtaria de desabafar resumidamente. Vivi um relacionamento onde no começo eu nao gostava do meu ex. Ele faxia tudo por mim, eu nem ligava. Trocava ele por amizades, cervejas, nao me importava com nada. Eu morava em São Vicente e ele em São Paulo. Ele um final de semana sim outro nao ia me ver. Me levava presentes, me levava pra sair
Um belo dia mudei pra SP. Mais nao por ele e sim pq ja tinha planos de ir. Enfim com o passar do tempo fui gostando, amando e tudo mudou. Passou a não me respeitar e jogava na minha cara que aqui se faz aqui se paga. Por um motivo besta nos separamos tem 5 meses. Estava gravida de 4 meses e tem 1 mes que meu filho nasceu. Ele me dissr que não volta nunca mais comigo pois humilhei ele demais a nao ser que precisa se de mim. O que devo fazer

    admin · 24 de novembro de 2015 às 10:55

    flor,

    O que você fez?

    Bjs
    Linda Cristina

CAROL · 21 de novembro de 2015 às 09:01

Linda,

Acompanho seu blog há um ano e acreditem que algumas vezes eu estava passando por problemas no relacionamento e quando abria o blog o texto descrevia realmente o que eu estava passando…já chorei várias vezes lendo seus textos pq eu sabia que precisava terminar mas esse dia chegou.Meninas, fico muito feliz por ser um exemplo, quando terminei percebi como estava distante dos meus objetivos ..vivendo em função de encontrar tempo para ficar juntos e não tinha tempo para mim, passei diversas datas comemorativas sozinhas inclusive meu aniversário todos em minha casa e ele não apareceu por causa de um desentendimento bobo de relacionamento, foi aí que minha família começou a ficar contra e digo uma coisa para vocês quando temos uma família que gosta da gente fique do lado deles não sustentem relacionamento sem apoio dos seus pais e irmãos … eles te amam muito e querem seu bem não tenha dúvidas.Se você não está conseguindo sustentar o término procure ajuda, minha psicologa ajudou muitoooo…falar da sua vida com alguém que não está no contexto é muito bom.Estou esperando o depoimento de vocês. Força e amor próprio.

Fiquem com Deus!

Obrigado por tudo Linda, você contribui muito.

    CAROL · 21 de novembro de 2015 às 09:03

    Fique emocionada e orgulhosa ao lê meu depoimento aqui 🙂

Nata · 22 de novembro de 2015 às 19:10

Linda, li a grande maioria das suas publicações mas, ainda assim, gostaria de um conselho seu. Você poderia me passar o seu e-mail para entrar em contato? Obrigada demais pela tua atenção

    admin · 24 de novembro de 2015 às 10:50

    Nata,

    Os comentários se respondidos, serão aprovados e publicados. Caso queira algo mais privado, poderá optar pela consultoria Online…

    Bjs
    Linda Cristina

Luana · 5 de Janeiro de 2016 às 12:14

Esse blog é incrível !
Depois que comecei a ler os posts e colocar tudo em prática meu relacionamento é outro, e eu também.
Obrigadaa Linda <3

marisa · 22 de Março de 2016 às 20:59

oi a chave é desprezo

E aí, o que acha? Comente!