Tem mulheres que acham que dar gelo, indiferença, dizer que não quer mais funciona como uma mágica e faz o cara se arrepender e tomar postura. Só que a história não é tão bonita e fácil como aparenta.
Homens tem uma coisa particular que já vem com ele nos genes, que é não mostrar emoções, eles até mostram, mas são com atitude diferente da nossa.
E nesta expectativa de fazer o cara enxergar que você não vai aturar desaforos, falta de respeito, traições e não vai aceitar mais um relacionamento sem diálogo ou que seja para ele mostrar a que veio, algumas atropelam tudo.
Depois que a decisão está tomada, o cara some e o desespero chega. Pois como eu disse não aguenta o tranco da sua decisão então não faça.
Ele pode demorar semanas para aparecer, e te deixar se questionando porque não a procurou, e se desdobrando com seus neurônios porque tomou aquela decisão fatídica é o pior arrependida dos pés a cabeça. É o intuito deles e justamente esse, caso ele volte, simplesmente deixar você acuada e com medo que ele nunca mais apareça na sua vida, ou que arrume outra mulher e te substitua rapidamente.
Alguns fazem isso bem intencionado ou não, mas no final o resultado e você do outro lado arrancando os cabelos.

 
Meninas sei que não sou perita nisso, e nem me acho melhor que nenhuma de vocês, mas posicionamento é tudo nesta vida. Toda vez que você escolhe um caminho tem que saber que existem os percalços, consequências e desatinos do que você decidiu.
São palavras proferidas que não tem como voltar atrás, porque já foram lançadas ao vento, e o outro escutou. Estou velha e sempre faço esses questionamentos e até brinco que após você abrir a boca, não adianta dizer que foi um mal estar, porque até vômito acontece para expressar que seu estômago não vai bem. Ou seja, falou honre suas calcinhas e mantenha sua palavra (ah isso vale para os seres homens – porque tem uns que tem esse mal estar frequente – já chamo de doença incurável).
Temos atos bruscos, feitos no estupor da raiva e da vontade que o outro desperte, mas respire antes e pense que isso pode te causar danos irreversíveis.
Se um dia você optou por não querer mais, decidiu pelo término, ou que seja dar um tempo, saiba que ele pode muito bem insistir, ou simplesmente desaparecer do mapa e nem deixar vestígios.
Você está preparada para isso? Ser ignorada pelo outro, porque ele não deu a mínima pelo que você disse a ele? Que aceitou o fim com uma simpatia enorme e nem ao menos esbravejou?
A primeira coisa que acontece quando fazemos isso no calor das emoções, tentando fazer o cara acordar para o relacionamento ou assumir suas responsabilidades, não estamos agindo de forma racional, o controle mental não existe, tudo é feito para tentar atingir o outro e que ele assim possa mudar sem pensar nos declínios que isso irá causar futuramente.

 
Suponhamos que você termine para mostrar para o outro que não irá tolerar desvios de conduta ou para mostrar para o outro que acabou regalias. Está é uma opção válida que poderá fazer sim, desde que esteja preparada quando esse boy aceitar de boa e não reclamar da sua decisão ou então fazer corpo mole e tocar um dane-se para a situação.
Se ele sumir, se não lhe procurar, como ficará? Além de não conseguir o seu intento, o namoro foi para o ralo. E pior ainda, para ocorrer mais estragos na autoestima dessa mulher começam a correr atrás do homem para dizer que não falou aquilo, que só queria que ele mudasse, mas que gosta dele, e não queria terminar, e falou da boca para fora. Se você está achando que isso funciona, vou afirmar que você está dando cartas para esse moço jogar e você já está no game over. Ele terá certeza que você não tem pulso, não é uma mulher de palavra e que reagem as situações com imaturidade e sem firmeza. Você deu carta branca para esse homem pisar em cima de você sem dó nem piedade.
Mudança, tomada de atitude tem que ser feita sem alarde, sem deixar-se levar por sentimentos e para forçar a situação. Esteja preparada para o não, para o sumiço do cara. Não é com pressão que irá conseguir o que almeja ou quem sabe a transformação que deseja no seu relacionamento. Porque tem o outro lado da moeda que é esse homem que você dispensou de querer modificar e fazer os ajustes necessários para que a relação evolua para o bem comum de ambos. O querer seu tem que estar nivelado com o querer do outro. Sacas?
Tem alguns que irão resolver por estarem disponíveis e avaliaram que vale a pena retomar, e já outros irão dar as costas e sumir da sua vida porque você pressionou e o mesmo optou por acatar seu posicionamento. E tem a parte ruim que é o mocinho simplesmente tirar proveito do seu estado e ficar te culpando todo tempo, levar o namoro, ou casamento desleixado porque sabe que você sempre age sem vigiar o que diz ou pensa. E isso é bom para a vida conjugal do casal? Óbvio que a resposta é: nem em sonhos!
Concluindo: Antes de fazer pense nos prós e contra da sua decisão e alinhe-se com o que poderá vir.
E só um recado de quem procura sempre o melhor para vocês.
Sara Oliver

[subscribe2]

consulte fácil dependencia emocional

Escrito por

Linda Cristina

Coaching de Relacionamentos, Autoestima e Valorização Pessoal