relacionamento

No relacionamento amoroso, o que conta são as energias. Há as que atraem e as que repulsam. Essa “coisa de pele” é isso.

Para que as duas pessoas se sintam atraídas, é preciso que suas energias combinem.

Há mulheres feias que são tão atraentes e disputadas, amadas por homens bonitos e bons, que provocam o comentário: “O que será que ele viu nela?”.

A atração, aquele “algo mais” é criado por sua aura energética.

Como se faz isso?

Melhorando o padrão mental, enriquecendo o espírito, desenvolvendo seus potenciais e se valorizando.

A autovalorização não é você mudar o visual, fazer tudo que tem vontade e sair por aí incomodando, invadindo o espaço dos outros a pretexto de ser “você”.

A autovalorização é um trabalho interior.

Vem da atenção que você dá a seus sentimentos, sendo verdadeira, não se incomodando com a opinião alheia. E dizer sim quando sente que deve e não quando sente que não quer.

E preciso deixar de querer ser a “maravilhosa”, a “certinha”, fazer o que sente, mesmo correndo o risco de não preencher as expectativas dos outros.

Não confunda desvalorização com humildade.

Ser humilde é não ter vergonha de ser como você é.

Aí você vai descobrir as qualidades que já tem.

Saber com o que pode contar vai dar-lhe segurança e motivação para aprender mais.

Encontrará outras atividades no dia a dia que vão enriquecer seu espírito.

O que é a energia da atração senão o brilho da alma?

Domine a ansiedade e saiba esperar a vida lhe trazer a pessoa certa.

É preferível ficar só a machucar-se com um casamento inadequado.

A insatisfação, o receio da solidão, a vontade de “agarrar” alguém a qualquer preço criam energias desagradáveis que os rapazes sentem, e então fogem como o diabo da cruz.

Se um deles ficar será só para criar problemas. Não faça isso!

Não entre na neura de muitas mulheres que estragaram sua chance de felicidade.

Valorize-se, cultive o bem, confie na vida. Não tenha pressa.

Um dia, quando estiver pronta, vai aparecer a pessoa adequada, na hora certa.

Juntos irão construir um lar feliz e próspero.

Escrito por

Linda Cristina

Coaching de Relacionamentos, Autoestima e Valorização Pessoal