Siga nos no YouTube e veja nosso conteúdo! >>https://www.youtube.com/c/fazerhomemvalorizar

Começa a ficar, namorar dá início ás perguntas: como me comporto no primeiro encontro, transar pode na primeira vez, quanto é o tempo certo de conhecer a família, se ele não me liga eu posso ligar? Tantos questionamentos que sempre deixam em dúvidas muitas de nós mulheres, que até nos travam na hora de resolver e responder a tantas indagações.
Fiz um post sobre critérios de seleção do homem. Neste caso levando em consideração tudo que eles buscam em suas afinidades, eu sou carta fora do baralho, nem no banco de reservas ficaria. Porque homens não gostam de mulher de cabelo curto, eles adoram o biótipo ao contrário, porque eles dizem que mulher com cabelos ao vento e compridos e mais sensual e mostra feminilidade.
Ok, ok os homens em suma maioria aprovam mulheres de cabelo longo. Ótimo. Então quer dizer que se você não usa este tipo de corte, você está fora dos padrões e nenhum homem vai te querer? Pronto. Pode virar freira ou entrar em estado depressivo, você não serve, vai morrer encalhada e nunca na vida vai ter um homem que te queira.
Ah, se você der para o cara no primeiro encontro ele vai te taxar como fácil, promíscua e rodada, e o cara jamais vai te assumir como namorada?
Então essa tese dita e muito propagada não serviu comigo: fui para os finalmente com o meu futuro marido, pais dos meus filhos, ele me pressionou para que eu assumisse namoro com ele, e eu enrolando, um belo dia ele chegou na casa dos meus pais e enrolação acabou. Estou com sua filha, quero namorar e casar e estou aqui para pedir permissão. Um ano depois noivamos, e em menos de um ano casamos, com um ano de casados veio o primeiro filho e o segundo três anos depois. Isso não devia acontecer não é mesmo? Eu fui muito liberal, fácil demais não concordam?
Com o meu ex da sofrência, também transei com ele na primeira vez que nos vimos pessoalmente, (detalhe: já tínhamos trocados altas sacanagens por Skype), assumiu namoro, até aliança de compromisso usamos, conheci a família dele. Mas isso não devia ter acontecido eu não sou o tipo de mulher que homem quer para assumir compromisso não é mesmo?
A separação existiu no primeiro e segundo caso com aspectos diferentes, primeiro imaturidade para conviver uma relação a dois e suas responsabilidades, segundo relação á distância, e incompatibilidades de objetivos.
O que quero dizer para todas vocês que tem essas interrogações de como se portar, como falar, como fazer, e agir numa relação e que devem prestar atenção no tipo de homem que você irá se envolver. Facílimo.
Observe-o, procure sutilmente avaliar seus padrões, perfil das namoradas anteriores (não é para ficar investigando igual perito criminal), se ele tem alguma ideia machista (os homens são machistas, mas isso não é quesito para você chutar o pau e mandar eles as favas), tem vezes é algo que dá para balancear e conviver em harmonia.
Vai investigando de forma meiga e tranquila como ele se posiciona. Mas vou deixar uma observação aqui que considero pertinente é você já ter definido com você, o que você procura.
Mulheres apenas saibam que do mesmo jeito que você escolhe com as características que você acha certo para você, o cara do lado fará o mesmo.
Você quer o malhado da academia? Não tem problema algum, só que ele pode gostar de mulheres que também sejam trabalhadas no músculo como ele e adepta do que ele gosta;
Você quer um cara culto e inteligente, estável financeiramente? Ele pode gostar de mulher do mesmo naipe e nível social que ele ou pode gostar de uma mulher que seja inferior a ele no padrão de vida justamente para que ele seja a cabeça da relação (tem vezes nesta situação entra o machismo);
Você curte os simpáticos, populares? Saiba que ele pode gostar de mulheres que sejam mais tímidas, caseiras para contrabalancear tudo que ele é.
Dei exemplos aqui para vocês perceberem como são muito questionáveis os gostos de cada um. E antes que alguém grite do outro lado vou dizer: Eu disse pode, não quer dizer que todo homem age e pensa assim! E alguns irão casar ideias com você, e outros nem tanto, e alguns até vão te achar legal, simpática, porém as afinidades não passarão disso.
Então minhas caras, parem de querer achar perfil, gerar dúvidas que não dependem de nós, não tente agradar fulano e beltrano, homens tem todo o direito de se envolver e escolher a mulher que ele quiser e que bata com o seu perfil, e assim como os homens, nós mulheres já temos pré-definido o tipo de homem que queremos para estar do nosso lado.

 
O ditado é bem peculiar e direto: GOSTO É IGUAL C…CADA UM TEM UM!
Só quero que vocês coloquem nas suas vidas, que em um planeta de sete bilhões de seres de tudo quanto e jeito, com gostos, ideias, cultura, personalidade, vai ter um que vai adorar seu jeitinho, vai amar seu corte de cabelo, seu tipo de roupa, e não vai querer te mudar por nada, não vai te achar isso ou aquilo, ele vai te amar e te respeitar você com tudo que é, e te achar a mulher da vida dele. Ele terá vontade de mostrar para o mundo, e dizer COMO FOI BOM TE CONHECER, SEMPRE BUSQUEI UMA MULHER COMO VOCÊ.
ENTÃO PARE DE SE ESTRESSAR, DE REGRAS, DE ACHISMO. Existem pessoas e pessoas, tem uma no seu formato ou não, pouco importa. O que importa é que ela vai te querer mesmo assim.
Chuta o balde e vai ser feliz. Tem um doido que vai fazer o mesmo!
Sara Oliver

Siga-me nas redes sociais

20 Comments

· 7 de novembro de 2016 às 14:39

Oi Sara, espero que me ajude. Estava saindo com um rapaz a 7 meses, ele sempre foi carinhoso, mostrava indícios de que poderíamos namorar e tal, mas no último mês ele ficou mais distante, ele tbm estava com alguns problemas pessoais e eu sempre tentei compreender e não pressionar, até que um dia nos encontramos em um barzinho e ele me tratou como se fossemos apenas conhecidos, nem com um beijo, depois disso conversei com ele e falei que ou nós nos assumimos ou nos afastamos e ele disse que era melhor aquela ser a nossa última noite. Falei que tudo bem e que respeitava, e não nos falamos por 3 semanas, não fui atrás e fiquei na minha, ele tbm não falou nada. Ai participei de um encontro da igreja que ele inclusive estava trabalhando e no final onde todos leem as cartas dos amigos e da família achei uma carta dele onde ele diz para perdoá-lo e pra gente sair pra conversar e que agora poderia falar normalmente comigo sem guardar segredos do encontro (esse encontro de jovens não podemos falar o que ocorre para surpreender os novos encontristas). Mandei mensagem e disse que tudo bem e que entendia o lado dele, mas já se foram duas semanas e sempre sou eu que tomo a iniciativa de falar e ele diz que “vamos marcar pra sair”, mas nunca se posiciona. Não falei mais nada tbm. Gosto dele, mas não sei o que fazer. ps: Adorei seu blog e recomendei pras minhas amigas 😉

    · 7 de novembro de 2016 às 15:41

    Sara, eu gostaria de me manter anônima, mas acabei postando com o apelido e tem gente que eu recomendei o site e vão perceber que sou eu, vc poderia excluir o comentário e me responder por e-mail??Desde já agradeço. ps:achei que pudesse mudar o nome.

      Sarah Oliver · 9 de novembro de 2016 às 10:00


      Não respondo por e-mail somente por consultoria. E qual o problema de saberem que é você? Opinião dos outros nunca deveria ter importância e sim o que você pensa.
      Mas se achar seu comentário deleto.
      Sara Oliver

        · 9 de novembro de 2016 às 10:08

        Eu sei Sarah, e penso assim tbm, mas é que o povo faz um burburinho que só Deus na causa. Se puder pode responder então, não sabia que por e-mail é só pra consultoria.. Quero muito sua opinião, vc parece que conhece todas nós 🙂

          Sarah Oliver · 9 de novembro de 2016 às 10:47


          Vou responder então, aguenta aí!
          Sara Oliver

    Sarah Oliver · 9 de novembro de 2016 às 10:59


    Bem, caso tipico do cara que não caga nem sai da moita. Mas o interesse dele está bem murcho você não acha? Deixa esse cara no canto dele, e da próxima vez que ele vier com papo morno você chuta a porta e diz: Meu caro, tu fez toda aquela encenação foi para quê mesmo? Para ficar me cozinhando? Qual é o seu problema? Me desenrole que o tempo urge e ele não volta mais não, tu não quer? Beleza, mas abra caminho e vai viver sua vida como você acha melhor que farei o mesmo(Só faça isso se tiver postura para manter sua decisão, do contrário suma da vista deste cara que seja por algumas semanas).E veja se ele vai te responder ou sumir.
    Eh bommm fazer isso….é sensacional! Mas repito faça com firmeza e honre sua palavra até o fim. Do contrário tudo por água a baixo.
    Sara Oliver

tarciane Lima · 7 de novembro de 2016 às 19:27

Nao entendi bem! Vc disse “meu futuro marido, pai dos meus filhos? “

Gabriela · 8 de novembro de 2016 às 07:39

Realmente, este site dá uma injeção de auto estima como nenhum outro. Sempre que eu tenho dúvidas sobre o que fazer, como agir, ou quando estou meio pra baixo, entro aqui recebo aquela injeção de ânimo.
Há dois meses dei literalmente um pé na bunda do meu namorado, e com razão, pela enrolação eterna de anos, indecisão, acomodação… Eu querendo casar e ele não, até que chutei, foi traumático, ele ainda inverteu tudo, um horror.
Confesso que continuo a ter sentimentos por ele, porém, meu amor próprio ficou maior. A única coisa que fiz que poderia ter sido considerada “correr atrás” foi mandar, no mês passado, um email grande e muito sensível falando do que vivemos, do que eu acreditava, de como eu queria ele bem… ele ainda estava magoadíssimo e deu confusão.
Agora, ele andou me mandando umas mensagens de texto propondo que fizéssemos as pazes, pelo menos por aquele meio de comunicação, pois ele acreditava que seria bom para a minha vida e a dele. Respondi amigavelmente dizendo que concordava, achava bom cultivar esses sentimentos mais elevados. Ele ainda pediu perdão pela imaturidade em diversos momentos, também pedi perdão por qualquer coisa que tenha o magoado.
Enfim, trocamos algumas mensagens, ele sempre tomando a iniciativa.
Claro que, dentro de mim, existe ainda uma parte que desejaria que ele voltasse mudado, disposto a viver um relacionamento profundo, viver junto… mas eu lutei tanto que jamais tomaria iniciativa para isso.
Como eu li aqui e já escrevi num papel e colei no meu espelho para eu lembrar sempre: HOMEM, QUANDO QUER, RESOLVE.
Por isso que também entrei na onda de: não fazer nada, não provar nada, viver minha vida plenamente, sem pressa de nada.
Estou inclusive procurando um novo ap para morar (moro sozinha), viajei sozinha para a cidade onde ele está morando e, como ele descobriu que eu fui, não se segurou e veio me procurar. Ele estava lá do meu ladinho, mas não liguei. Fomos aos mesmos lugares, em horários diferentes, segundo ele, mas eu não procurei. Sei me divertir com amigos, sozinha, coisa boa pra se fazer não falta.
Às vezes começo a sentir falta de um companheiro, pois eu adoro namorar, adoro curtir a dois, mas eu decidi que eu quero UM HOMEM QUE LUTE POR MIM, e não se contente com um relacionamento morno, acomodado.
Sei que ainda o amo de alguma forma, mas poder sentir que o amor próprio aumentou, não tem preço.
Obrigada!

    Sarah Oliver · 9 de novembro de 2016 às 09:58

    Gabriela
    Isso aí, falou tudo. Seja você, pense em você que o resto vem.
    Sara Oliver

L · 8 de novembro de 2016 às 17:10

Sara, me responde, por favor, eu preciso da sua ajuda em um quesito, pelo menos um conselho! seu blog é muito bom para que eu possa ter um bom relacionamento com meu namorado, sendo que tem vezes que eu não consigo fazer as coisas direito.

no início do relacionamento, eu era forte emocionalmente, sedutora, independente, misteriosa… ele era louco por mim e sofria por amor, mesmo que eu o correspondesse. hoje em dia, ele me conhece mais, conhece meus defeitos e falhas, sabe meus pontos fracos, estamos juntos há mais de 1 ano e percebo que ele me ama muito, faz coisa que só por mim, mas é um amor mais tranquilo e relaxado.

sendo que eu estou ficando com a auto estima terrível! meu namorado gosta de jogos (que a maioria das personagens tem corpão) e de cosplays (pessoas reais que se fantasiam dessas personagens), antes de namorar comigo seguia umas meninas no instagram muito sensuais, com seios enormes… e eu sempre fui magra, seio bem pequeno, apesar de me achar bonita em alguns aspectos, eu acho meio seios tão sem graça… eles seriam lindos se fossem maiores, mas aí é que está, tudo na minha vida, eu anulo por conta dos meus seios pequenos. eu fico insegura com qualquer menina que ele converse que seja mais ”protuberante”, daí passo o dia inteiro pensando no que ele deve está olhando… porque ele parece achar seios algo muito lindo no corpo feminino.

ele me elogia muito e até me disse que sou resistente em receber elogios, nunca me deu motivos complicados para eu sentir isso, mas eu me sinto tão mal com isso… a ponto de querer chorar. isso destrói minha auto estima, começo a achar que ele iria me trocar por qualquer pessoa que tivesse os seios mais bonitos ou que ele olha para todo decote pensando: ”nossa, que seios lindos, queria que minha namorada fosse assim”. eu queria muito algum conselho ou alguma palavra amiga… (não tenho condição de por silicone agora e nem sei bem se é o que eu quero…) 🙁

um beijo, muito obrigada!

    Sarah Oliver · 9 de novembro de 2016 às 09:47

    L
    Ihhh pode parar com essas neuras. Até agora após ler seu comentário, não vi algo de construtivo em suas indagações. Se você quer um digamos consolo.Sou magra, seios se brincar menores que o seu, e ainda com a grande surpresa que já amamentei dois meninos esfomeados que quase me sugaram até os últimos nutrientes do meu corpo que a pediatra disse: pare de amamentar você vai sumir. Sou magra, 47Kg de puro osso até brinco, e com umas pernas de siriema que causam inveja até na ave. kkkk. E eu estou ligando? Nossa, todo dia eu fico chorando horrores, ah é você não sabe eu tenho um corte no pescoço recente por conta da cirurgia que fiz. E estou quase entrando em depressão sabia?kkkk
    Pois é L, quando você está infeliz com os atributos que Deus te deu você está cuspindo no prato que comeu. Aceite-se, que o outro vai te aceitar também. O cara mesmo curtindo as mulheres que você acha que são mais gostosas que você, está do seu lado. Então se você não confia no seu taco, e despreza a natureza do seu corpo, vai começar a destruir sua relação aos poucos e acho que não é isso que você procura não é mesmo?
    Ah estou pensando em colocar silicone? Não, quem sabe quando tiver uns 50 anos? Será? Não sei, deixa prá lá. Quem quiser coloca e faz o que quiser do seu corpo, meu tá ótimo como está. Eu ainda dou pro gasto!kkkkk. Ah os caras não querem? Preferem as mais coxudas, com peitos, com bundas? Problemas deles, se fartem. Entendeu?
    Sara Oliver

      L · 9 de novembro de 2016 às 10:17

      caramba, tu é uma fofa! peso 48 kg e tenho 1.67 de altura… mas sabe de uma coisa? você está completamente correta… você teve dois filhos mesmo falando que é magrinha, isso só prova que um homem realmente só se interessa pra valer por quem somos.

      meu namorado é uma ótima pessoa, me trata bem demais, faz dos nossos momentos algo especial, tenta me deixar bem, me liga (mesmo eu falando pra ele que odeio telefonemas hahahaha), se preocupa muito com meu bem estar.

      eu só preciso não me comparar mais com as outras meninas, não me achar a azarada por ter os seios assim e agradecer que mesmo quase do tamanho de peito de criança, são bonitos.

      vou continuar lendo seu blog, para tentar mudar esse pensamento ainda mais e trabalhar meu amor próprio, porque se comparar a personagens de jogos e ficar com medo dele achar elas sedutoras, já mostra que eu tô ficando é doida.

      obrigada pelo conselho, sara! te admiro demais, mulher! ?

MDV · 8 de novembro de 2016 às 19:55

Sara, primeiramente parabenizando pelas suas postagens que aprendo muito. Em todas as vezes que tu me responde nos comentários, me edificam e consigo cumprir todas as orientações. Mas tenho algo há resaltar à respeito do meu pensamento referente à primeira vez com um homem e em assumir um compromisso: Eu já fui casada por 4 anos. Meu ex marido esperou o meu tempo e namoramos em 2 semanas, e 9 meses namoramos e nos casamos. Mas as coisas mudaram muito entre os homens devido à nossa postura de fazer o que quisermos. Tive outro namorado que fomos pra cama no 1 dia que nos vimos e moramos juntos. Mas hoje, se dermos moleza achando que são maduros e esperamos, eles não procuram. Eles procuram status assim como mulheres: benefícios. Se ela trabalha em tal lugar, tem seu carro ou moto. Muda tudo! Ninguém quer uma mulher que está iniciando a vida. Podem querer sim, mas nos dias de hoje, é muito difícil. Nem prolongado uma amizade, eles são imaturos com 30, 40 e 50 anos expondo todas as mulheres que correm atrás deles, mesmo nós não querendo saber. Esta é a minha opinião, respeitando a sua. Mas o que tu acha do meu pensamento? Como reverter isso? Obrigada! Te admiro muito.

    Sarah Oliver · 9 de novembro de 2016 às 09:32

    MDV
    Pois é, sei que existem homens e homens, e estou simplesmente se lixando para o que eles querem ou buscam. O que importa é o que quero, se ele tem padrões e eu não me encaixo seja financeiro, material, social, etc e tal, não me importa. Parei de questionar isso um bom tempo. Porque não resolve, não agrega e não traz nada de benefícios.
    No universo complicado dos relacionamentos aprendi(essa é a minha opinião) que não vou agradar gregos e troianos e após despertar para esse propósito parei de querer entender.
    Faço assim: fulano agiu assim e assado, e resolveu sumir ou não estar do meu lado não tinha interesse. Não quero saber as motivações ou razões que ele sumiu. E porque ele não estava afim. Pontuo isso e pronto e vou seguir minha vida. E claro não vou agradar sicrano e tentar ser o que não sou para me encaixar no perfil que ele busca.
    Para que reverter? Você já não tem algo bem delineado com você, que acha correto e verdadeiro na sua vida? Você mudaria só porque alguém diz que você não está certa ou porque do jeito que você faz não terá resultados? O que você faz? Muda só porque alguém disse que não é legal sua forma de resolver as coisas? Ou se mantém?
    Seja única, o cara não vai mudar só porque acha que deve fazer isso. Ele faz quando assim quiser.
    Trabalho MDV com o lema somos únicos, cada um age conforme seus princípios e valores, e devemos respeitar.E cabe a você analisar e ponderar se isso pode ser levado em consideração, e se dá para conviver de forma harmônica.Obrigada pelo carinho e consideração.
    Sara Oliver.

maria · 8 de novembro de 2016 às 23:26

Fiquei confusa: primeiro no outro post vocês falam que tem que se valorizar e não ir pra cama DE JEITO NENHUM com o cara na primeira noite. Depois falam que isso não importa e que tudo bem transar num primeiro encontro.

    Sarah Oliver · 9 de novembro de 2016 às 09:08

    Maria
    Eu escrevi no post, faça o que você acha certo, coloquei minha história para apenas mostrar que existem diversas situações e pormenores que você pode analisar e ver em qual se encaixa, mas antes olhar o cara que está se envolvendo. E só minha opinião como também isso aconteceu no primeiro post entendeu? E ainda digo no post: verifica o cara porque ele é a chave para você ver se vale a pena ter relação sexual de primeira ou esperar mais um pouco. E outra se te der vontade vai, não fique buscando respostas nas opiniões que te foram dadas. Seja responsável por sua vida. A gente só dá um embasamento e você resolve qual e a melhor pedida. Espero que tenha compreendido.
    Sara Oliver

Luh Estorino · 9 de novembro de 2016 às 14:42

Olha, há muito tempo que acompanho esse site. Essa foi a melhor publicação de todos os tempos. Parabéns.

Claire · 21 de novembro de 2016 às 22:39

Tbm não entendi nada… cansei de ver puxoes de orelha da Linda Cristina aqui, dizendo que homem nao valoriza mulher que transa no primeiro encontro e agora esse texto fala o contrário… -_-

    Sarah Oliver · 22 de novembro de 2016 às 09:06

    Claire
    Vou deixar bem claro, eu faço isso, ok? Eu não estou nem aí se o cara não irá me valorizar porque fui para cama com ele no primeiro encontro. Eu faço o que me dá vontade, eu faço o que eu acho certo e não estou nem aí para o que as pessoas vão pensar. Minha opinião, meus valores e meus princípios, quem rege sou eu, quem define sou eu.
    Portanto faça o mesmo, viva e siga o que você acha melhor para você.Apenas isso. Antes de tudo devemos ter opinião própria e viver conforme nossos padrões.
    Sara Oliver

Deixe uma resposta

Posts Relacionados

Dicas de Relacionamento

A sua insegurança dá a ele a certeza da sua paixão!

Siga nos no YouTube e veja nosso conteúdo! >>https://www.youtube.com/c/fazerhomemvalorizar Quer coisa mais chata que uma mulher que vive com insegurança, cheia de ciúmes, desconfiando da própria sombra? Isso para o homem é terrível, só que Leia mais…

Dicas de Relacionamento

Aplicativo de Relacionamentos (Tinder) é confiável?

Siga nos no YouTube e veja nosso conteúdo! >>https://www.youtube.com/c/fazerhomemvalorizar Será que devemos depositar nossas fichas nesse aplicativo para encontrar alguém disposto a ter um relacionamento sério?… Esse post complementa o que eu quero dizer nesse Leia mais…

Dicas de Relacionamento

Entenda porque seu namorado sempre termina com você!

Siga nos no YouTube e veja nosso conteúdo! >>https://www.youtube.com/c/fazerhomemvalorizar Você não pode fazer mais nada que ele já quer logo terminar com você… você vive com medo de perder essa criatura e desde então se Leia mais…